Shoppings investem em espaços para mães e bebês

Por FABIANA FUTEMA

Esqueça aquele trocador de plástico bege acoplado à parede dos banheiros femininos. Famílias frequentadoras de shoppings agora contam com espaços planejados especialmente para os cuidados com o bebê.

Além de trocadores e poltronas de amamentação, esses espaços oferecem fraldas, lencinhos umedecidos e pomadas. Para crianças que comem papinhas há cadeirões de alimentação. A maioria conta com serviço de empréstimo de carrinhos, o que facilita o carregamento das sacolas e do bebê.

Os shoppings não revelam os investimentos realizados nesse segmento, mas aparentemente são crescentes.

Fraldário do shopping Cidade Jardim
Fraldário do shopping Cidade Jardim

Empreendimentos que já contavam com o serviço reformaram e ampliaram as áreas de atendimento das famílias. Esse é o caso do Anália Franco e do Cidade Jardim.

“Devido ao grande fluxo de mães e pais com filhos pequenos no shopping, o espaço família foi reformado e dobrou de tamanho nesse ano”, diz Fabiola Soares, gerente de marketing do Anália Franco.

Outros reformaram esses espaços nos últimos anos, como o VillaLobos e Jardim Sul. Os novos shoppings, como o Mooca Plaza, já nascem com áreas voltadas para esse público.

O Frei Caneca, inaugurado em 2001, abriu seu espaço família em 2011, mesmo ano da criação da área Petit do shopping Pátio Paulista.

“Para o público feminino que ainda não é mãe o fráldario é um ambiente praticamente nulo, mas, para aquelas que têm bebês e filhos pequenos é um espaço muito importante”, disse Vilmar Signoretti, superintendente do Jardim Sul.”

X