Contra ‘ditadura da beleza’, fotógrafa mostra corpo real de mães após o parto

Por FABIANA FUTEMA
Grávida diz que não se sente feliz com corpo (Natalie McCain)
Grávida diz que não se sente feliz com corpo (Natalie McCain)

A chegada do bebê traz muitas mudanças à rotina da nova mãe. Além de aprender a cuidar e amamentar o filho, algumas ainda precisam sobreviver ao cansaço de  várias noites mal dormidas.

Outras se sentem sozinhas, angustiadas, despreparadas e até culpadas por admitirem esses sentimentos.

Para completar o quadro ainda existe a questão da aceitação do novo corpo apó o parto.

Algumas mulheres voltam logo à forma física anterior à gravidez. Mas a maternidade deixa marcas no corpo da grande maioria.

Para retirar um pouco da pressão pela busca do corpo perfeito, a fotógrafa americana Natalie McCain, da Flórida, iniciou a série fotográfica ‘The Honest Body Project’.

Depois de mostrar o corpo de um grupo de mulheres grávidas, Natalie ampliou o projeto e fez um ensaio mostrando como essas mães ficaram depois do parto.

Bartizado de “Depois que o Bebê Nasce”, o ensaio mostra em preto e branco o corpo dessas mulheres três a seis semanas após o parto.

Mais do que barrigas e estrias, o ensaio também revela como essas mulheres se sentiram logo depois de dar à luz. Muitas relataram uma rotina de noites em claro e tristeza. Outras contaram a insatisfação que tiveram com o novo corpo.

Segundo Natalie escreveu em seu site, o objetivo do trabalho é acabar com a vergonha que as mulheres sentem do corpo após o parto e promover a auto-estima delas.

“A sociedade coloca tanta pressão sobre as mulheres para voltarem a ter o corpo de antes após dar à luz. Quero ajudar a quebrar esse ciclo”, disse.

Uma das participantes do ensaio conta que saiu do banho, se olhou no espelho e se surpreendeu com as estrias na barriga, marcas que não ganhou na primeira gestação. Ela perguntou ao marido se ele não lembrava de como ela era maravilhosa antes e ele respondeu: sim, mas não tínhamos dois filhos incríveis naquela época.

Já uma mãe plus size relata o desconforto com o novo corpo.

“Ser uma grávida plus size foi desafiador em todos os aspectos . Do corpo envergonhando para tentar encontrar roupas que se encaixam à auto-confiança. Depois de ter meu filho achei que voltaria a ter meu corpo, que estava longe de ser perfeito, mas eu estava feliz daquele jeito. Mas não consegui, Mesmo me exercitando e comendo coisas saudáveis. Eu não quero ser magra, só quero ser saudável para mim, minha família , e meu filho, mas é difícil . É difícil se sentir bonita com todas as listras de tigre em meu corpo e todo o peso extra que eu ganhei .”

Veja ensaio abaixo e confira o trabalho de Natalie no site http://thehonestbodyproject.com/.

X