ONG notifica rede Divino Fogão por campanha com dedoches do Chico Bento

Por FABIANA FUTEMA
Dedoches do Chico Bento (Repodução)
Dedoches do Chico Bento (Repodução)

O Instituto Alana notificou a rede de restaurantes Divino Fogão pelo direcionamento de uma campanha de marketing para o público infantil.

O alvo da notificação envolve a distribuição de brinquedos colecionáveis para as crianças _os dedoches do Chico Bento_, além de campanha publicitária em canais de TV infantis.

São oferecidos cinco opções de dedoches (Chico Bento, Rosinha, Zé Lelé, Giselda e Teobaldo) ou uma casinha (caixa) para guardá-los. Além dos brinquedos que acompanham as refeições, a campanha permite a interação da criança com elementos virtuais das personagens via smartphones ou tablets.

“A campanha publicitária da empresa faz um apelo de consumo direto à criança. A linguagem adotada e os elementos utilizados, como brinquedos, personagens e desenhos animados, associam a marca a momentos de brincadeira e diversão, abusando da hipervulnerabilidade infantil e contrariando a legislação vigente”, ressalta Ekaterine Karageorgiadis, advogada do Instituto Alana.

Na sua notificação, o Criança e Consumo solicita que a empresa suspenda essa comunicação mercadológica direcionada para a criança e deixe de realizar ações semelhantes.

Segundo o Conanda (Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente), “o direcionamento de publicidade e comunicação mercadológica à criança com a intenção de persuadi-la para o consumo de qualquer produto ou serviço” é uma prática abusiva.

Em nota, a rede Divino Fogão informa que não recebeu nenhuma notificação em relação à campanha ‘Deboches da Turma do Chico Bento’ e que cumpre a legislação brasileira relativa à publicidade dirigida ao público infantil.

“O Divino Fogão é um restaurante de comida caseira, com inúmeras opções de saladas, legumes, verduras, frutas e outros pratos típicos da culinária brasileira”, diz a nota.