A importância da avó no sucesso do aleitamento materno

Por FABIANA FUTEMA

 

Avós podem ajudar mães a amamentarem (Fotolia)
Avós podem ajudar mães a amamentarem (Fotolia)

Neste 26 de julho é comemorado o dia dos avós. O papel da avó, principalmente a materna, é muito importante para o sucesso da amamentação das mulheres.

Trabalho publicado em 2014 pela enfermeira obstetra Barbara Brito analisou a influência da avó na amamentação a partir de 20 estudos sobre o tema.

A pesquisa conclui que as avós podem ajudar as mulheres de diversas maneiras, desde ajudando com os afazeres domésticos até ensinando a dar banho no nenê. Isso não é pouca coisa, não. Assim que o bebê nasce, a mulher precisa contar com a maior rede de apoio possível para dar conta da amamentação.

“O fornecimento de ajuda prática pelas avós maternas traduz mais segurança e confiança à nova mãe, além de permitir que a parturiente disponha de mais tempo para si e à criança, o que se traduz em benefícios à amamentação”, afirma o trabalho.

Especificamente sobre amamentação, as avós podem contribuir desde servindo de modelo _aquelas que amamentaram os filhos_ até reconhecendo a importância do aleitamento para a saúde do bebê.

“A mãe da lactante é uma fonte de informação sobre os cuidados com a criança e com o corpo, fato que se torna mais relevante quando se considera que durante o aleitamento as mães se encontram mais vulneráveis a pressão de terceiros”, diz o trabalho.

O estudo conclui também que as avós podem desestimular a amamentação com informações ultrapassadas, como sugerir que se dê água ou chá para bebês com menos de seis meses em aleitamento materno exclusivo.

“A introdução de água ou outros alimentos na dieta da criança antes dos seis meses é um incentivo ao desmame precoce”, diz o trabalho.

Isso acontece, por exemplo, quando a avó diz que deu leite artificial para os filhos e todos cresceram bem e saudáveis. “Essas falas reproduzem na lactante insegurança quanto à melhor maneira de amamentar o recém-nascido”, diz o trabalho.

Para que as avós exerçam influência positiva sobre a amamentação, o estudo sugere que as elas sejam incluídas em ações de informação e incentivo ao aleitamento.