Maternar

Dilemas maternos e a vida além das fraldas

 -

Produzido pela jornalista Fabiana Futema, mãe de Kazuo

Perfil completo

Publicidade
Publicidade

Despedida

Meu tempo de colaboração para o blog Maternar se encerra nesta sexta-feira. Foram quase quatro anos de dedicação, amor e aprendizado sobre diversos temas que afligem pais e mães. Encerro esse ciclo com mais conhecimento do que tinha quando iniciei o blog. Agradeço a todos que leram, comentaram e curtiram meus posts. Parto agora para(…)

Hospitais se adaptam para atender pedidos de mães que querem ficar com a placenta

Antes tratado como resíduo hospitalar, a placenta passou a ter outro destino em algumas maternidades. Essa mudança de procedimento só aconteceu porque algumas mulheres começaram a pedir para levar a placenta para casa. “Percebemos que era preciso fazer alguma coisa quando uma funcionária foi limpar o frigobar de um quarto e encontrou uma placenta lá(…)

Festas infantis simples e sem eletrônicos recriam o clima das comemorações de antigamente

Criança não precisa de brinquedos barulhentos piscantes nem de DJ, som alto e luz negra para se divertir em uma festa de aniversário. Elas precisam de espaço para correr e brincar livremente, como acontecia nas festas que nossos pais organizavam antigamente. Naquelas festas não havia barco viking, la bamba ou tombo legal para animar as(…)

Taxa de disponibilidade cobrada de pacientes grávidas é ilegal, diz ANS

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) informa que “qualquer taxa cobrada pelo obstetra à gestante é ilegal”.  Neste mês, a Justiça negou pedido da Sogesp (Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo) para reconhecer a legalidade da cobrança da taxa de disponibilidade. Essa taxa é cobrada para o médico acompanhar o(…)

Associação diz que obstetra que se sentir ameaçado deve avisar pacientes que não pode mais ficar à disposição para o parto

A Sogesp (Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo) reagiu à decisão da juíza da 7ª Vara Federal Cível de São Paulo, Diana Brunstein, que considerou ilegal a cobrança da taxa de disponibilidade. Essa é uma taxa que os médicos cobram para acompanhar o parto das pacientes de plano de saúde. Em(…)

Blogs da Folha